Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

alfacinha

alfacinha

Dois mil e dezasseis: um ano especial

Há anos normais, outros que nos marcam e depois há anos especiais. Vai ser para sempre e por motivos óbvios um dos anos mais especiais da minha vida. Foi o ano em que o Manel nasceu e no qual eu me tornei mãe. A maternidade foi o conquistar de um sonho que sempre tive medo, de por algum acaso do destino, não me ser possível realizar. E de facto a maternidade tem sido uma experiência única, tendo tanto de sonho como de aventura, uma viagem de montanha-russa cheia de amor e momentos inesquecíveis.

 

Este ano foi de descoberta constante. Descobri novos sentimentos, sensações e um mundo igual, mas tão diferente ao mesmo tempo. Foi a descoberta de um novo eu, de uma nova forma de ser, a conjugação do meu eu pré-bebé com o meu ser pós-bebé. Por vezes foi uma tarefa complicada de gerir e a maternidade vêm de facto acompanhada por uma certa bipolaridade. Foi o descobrir de novos sentimentos, de novas sensações e de um mundo igual, mas tão diferente ao mesmo tempo. Ser mãe trouxe um pragmatismo maior à minha vida, um sentido de responsabilidade único, mas sobretudo a certeza de que o amor resolve grande parte dos dilemas do dia-a-dia. No fundo, sendo um cliché, a maternidade é amor em estado puro. Só com ele é possível sobreviver a todo o resto das idiossincrasias que a acompanham. Este foi para mim o ano da descoberta de um amor muito difícil de transpor em palavras de tão único e magnético que é.

 

Foi este amor que também me deu mais força e vontade de reiniciar o projecto do blog. Descobri a paixão e vicio que é partilhar as minhas ideias, projectos, receitas e um pouco do nosso mundo. Este blog é um desafio constante, pelo qual nutro um enorme carinho e prazer. É um projecto no qual deposito grande parte de mim, sendo muitas vezes um escape e uma forma de estabelecer metas. Nele, destaco a partilha como a minha parte preferida. Contudo, a constante vontade de fazer mais e melhor assim como a procura de ideias novas e conteúdos interessantes dá me um enorme gozo e desafia-me todos os dias. Para além disso, já descobri através dele pessoas maravilhosas e só por isso tem valido muito a pena.

 

Para o ano de dois mil e dezassete, apenas posso pedir saúde para mim e para os meus; alegria e amor; o conquistar de novos desafios e paz de espírito. Agradecer por este ano tão especial e aproveitar os seus últimos cartuchos. Os últimos dias deste ano foram passados em família e a aproveitar cada minuto do Manel, porque de facto eles crescem à velocidade da luz.

 

Volto já no novo ano, com projectos, receitas e conteúdos novos. Desejo-vos um feliz ano novo, com muita saúde, paz e alegria!

 

IMG_1183 (1).JPG

Manel, no dia em que nasceu.

 

Como de costume podem sempre seguir as nossas aventuras no instagram e no facebook.